DATAS ESPECIAIS DIA DOS NAMORADOS

A história por trás do Dia dos Namorados: saiba mais!

O Dia dos Namorados está se aproximando e com ele o clima de romance toma conta das ruas e das lojas. Mas não foi sempre assim. Você sabe o que deu início a essa tradição? E de onde vem a escolha dessa data? As origens dessa comemoração estão para além do 12 de junho. Confira!

De onde vem o dia dos namorados

As origens dessa celebração remontam a uma festa pagã, que acontecia na Roma antiga, chamada Lupercália. Conta-se que até o século III depois de Cristo (d.C.) essa festa era realizada em homenagem aos deuses Pã (deus da natureza) e Juno (deusa da fertilidade). Era um ritual para propiciar a fertilidade das mulheres e que também marcava a celebração do início da primavera no hemisfério norte. A coisa acontecia mais ou menos assim: em meio às festividades, as moças colocavam seus nomes em um pote e os rapazes sorteavam as mulheres. Assim se formavam os casais na festa e os pombinhos deveriam passar o restante do ano juntos. Não raramente a companhia acabava mesmo em casamento.

No século III d.C., o imperador romano Cláudio II, resolveu proibir o casamento por acreditar que homens solteiros se alistariam mais facilmente no exército, o que garantiria proteção ao seu território. Com essa política, o imperador proibiu também a festa da Lupercália, que celebrava os encontros amorosos.

Estando à frente de seu tempo, o sacerdote Valentim não concordava com a proibição do casamento e continuou a casar as pessoas em segredo. Quando descoberto, foi preso e, posteriormente, decapitado no dia 14 de fevereiro de 270 d.C., sendo convertido em santo anos depois.

Conta-se que, no período em que esteve na prisão, Valentim se apaixonou pela filha do carcereiro que o visitava e com quem trocava cartas de amor. A essa relação se atribui a tradição da troca de cartões entre pessoas apaixonadas no dia de São Valentim – correspondente ao dia dos namorados em vários países. Outra versão conta que, durante essa mesma ocasião, o sacerdote recebia cartas de casais apaixonados em solidariedade à sua postura. Contudo, foi somente no período do Renascimento que a conotação romântica da data ganhou força.

O dia dos namorados em outros países

Em vista dessas histórias, em muitos países a data destinada à celebração do amor é 14 de fevereiro, conhecido como Dia de São Valentim ou Dia Internacional do Amor e da Amizade. A data é comemorada, principalmente, entre os namorados, mas também entre pessoas que se amam, seja qual for a forma de amor (entre amigos, familiares, vizinhos). Assim é a tradição nos Estados Unidos, Canadá, Cuba, México e em vários outros países. As flores e os chocolates estão entre os campeões em preferência na hora de presentear a pessoa querida.

É claro que essa celebração ganha contornos especiais conforme a cultura com a qual se relaciona. Na Alemanha, além das flores, é comum presentear o(a) amado(a) com biscoitos de gengibre em formato de coração. Na Escócia acontece uma festa nessa data que lembra a antiga festa da Lupercália, pois as pessoas sorteiam nomes de pares nos chapéus. Na Inglaterra, as pessoas presenteiam as crianças com doces e pequenos presentes. No Japão há duas datas de comemoração do amor: em 14 de fevereiro, as mulheres presenteiam as pessoas amadas; em 14 de março, é a vez de os homens presentearem.

Em Verona, na Itália, cidade onde é ambientada a famosa peça Romeu e Julieta, de William Shakespeare, uma série de eventos são organizados especialmente para a data. Há até mesmo a opção de passeios que reconstituem os sofridos passos dos amantes pela cidade. Como podemos ver, cada um celebra o amor à sua maneira….

Comemoração brazuca

Você pode estar se perguntando: por que comemoramos o dia dos namorados em 12 de junho? A escolha dessa data é originalmente brasileira. A razão pela qual se comemora o dia dos namorados em uma data diferente no Brasil está em uma antiga ação publicitária.

Inspirado pelo dia de São Valentim, em 1949 o empresário João Dória criou uma propaganda para uma marca no país com o seguinte slogan: “Não só de beijos vive o amor.” Com isso, Dória pensava em animar as vendas no mês de junho, que, até então, era o pior mês para o comércio. O dia escolhido – 12 de junho – está relacionado com a véspera do dia de Santo Antônio, o santo casamenteiro.

A ação deu tão certo que se expandiu no meio comercial, sendo apropriada também por casais no seu cotidiano em uma espécie de minilua de mel fora de época.

Opções simples e requintadas para o dia dos namorados

Para além da motivação comercial de sua idealização, o dia dos namorados tornou-se uma data de celebração e uma oportunidade para os casais se distanciarem da rotina, sem precisarem se preocupar com nada mais além de si mesmos (nem que seja apenas por algumas horinhas).

Algumas dicas podem ajudar a criar esse clima. A aposta no preparo de um jantar íntimo e sofisticado em casa pode dar destaque à importância do relacionamento de vocês, sem necessariamente tornar-se algo muito trabalhoso. Afinal, o foco é passar um tempo especial com a outra pessoa, e não perder horas na cozinha enquanto ela espera na sala.

Veja, também, que nem sempre o sofisticado é sinônimo de complicação. Você pode simplesmente apostar em algum ingrediente requintado no preparo dos alimentos, escolher um bom vinho e dar aquele toque especial sem precisar enfrentar filas e reservas em restaurantes que costumam estar lotados nessa data.

O jantar acrescenta um contexto todo especial à entrega do presente. As tradicionais flores podem ser acompanhadas de cervejas Premium, champanhe e/ou chocolates, por exemplo.

Entretanto, nem todos os casais têm a oportunidade de estar juntos nessa ocasião. Para os pombinhos que estão longe, os presentes podem ser uma importante materialização do amor e da importância dada à pessoa amada. Para esses casos, a dica é o serviço de entrega de presentes que é realizada em até quatro horas após a confirmação de pagamento!

Confira aqui outras opções de presentes para temperar ainda mais o seu dia dos namorados!

0 comentário em “A história por trás do Dia dos Namorados: saiba mais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: