DICAS E CURIOSIDADES PÁSCOA

A arte de pintar ovos para a Páscoa

A Páscoa está chegando e por isso queremos te contar fatos interessantes sobre essa data tão especial!!

No post de hoje vamos mostrar por que o ovo é símbolo da Páscoa e também a origem e curiosidades sobre a arte de pintar ovos para a Páscoa, que é muito utilizada para presentear e decorar!

Como não amar essa data tão recheada de delícias de chocolate, não é mesmo? Mas antes de devorarmos todos, vamos entender mais sobre os ovos de Páscoa? Continue a leitura!

Por que o ovo é símbolo da Páscoa?

O ovo de Páscoa é uma tradição milenar relacionada principalmente ao cristianismo, mas que também está presente na maioria das culturas ao redor do mundo.

O ovo é símbolo de Páscoa porque representa a renovação da vida. Como ele é a semente que contém o gérmen vital, ele é intimamente ligado à regeneração, ao renascimento, à fertilidade, ao vigor.

Sabe-se que o ovo é um símbolo bastante antigo, anterior ao Cristianismo, que sempre representou a fertilidade e o renascimento da vida.

Na verdade, muitos séculos antes do nascimento de Cristo, presentear com ovos no Equinócio da Primavera já era um costume que celebrava o fim do Inverno e o início da Primavera.

Para obterem uma boa colheita, os agricultores enterravam ovos nas terras de cultivo. Quando a Páscoa cristã começou a ser celebrada, a cultura pagã de comemoração da Primavera foi incorporada na Semana Santa. Assim, os cristãos passaram a ver no ovo um símbolo da ressurreição de Cristo.

Quando começou a arte de pintar ovos para a Páscoa?

Com todas essas simbologias, foi se tornando costume pintar ovos para a Páscoa e presentear com esses ovinhos coloridos durante essa época do ano.

Nos países da Europa de Leste, por exemplo, os ortodoxos tornaram-se grandes especialistas em transformar ovos em verdadeiras obras de arte.

Da Rússia à Grécia, os ortodoxos costumam pintar os ovos de vermelho. Já na Alemanha, a cor escolhida é o verde. A tradição é tão forte que a Quinta-feira Santa é conhecida por lá como a Quinta-feira Verde. Já tinha ouvido falar?

Na Bulgária, em vez de se esconder o ovo, todos devem carregá-lo e quem conseguir mantê-lo intacto até ao fim do dia, será o mais bem-sucedido da família até à próxima Páscoa.

Das tradições da Europa Oriental, o hábito passou aos demais países. Eduardo I de Inglaterra, por exemplo, oferecia ovos banhados em ouro aos súditos preferidos e Luís XIV, da França, os mandava, pintados e decorados, como forma de presente agradecimento.

Já os famosos ovos de chocolate, como conhecemos hoje,  vieram dos Pâtissiers franceses que recheavam ovos de galinha, já vazios, é claro, com chocolate e os pintavam por fora. Os pais costumavam esconder esses ovos nos jardins para que as crianças os encontrassem na época da Páscoa.

Na Ucrânia, Pessanka, são ovos coloridos decorados com uma complicada combinação de desenhos geométricos, cores variadas, figuras e símbolos religiosos, entregues na páscoa sob os cumprimentos “Hréstos Voskrés” (Cristo ressuscitou) e “Voístenu Voskrés” (Em verdade ressuscitou).

O colorido, a sobreposição das cores e a riqueza dos detalhes pintados à mão, fazem das Pessankas muito mais do que simples presentes, eles são ovos que simbolizam respeito e expressam sentimentos e desejos de acordo os desenhos. Por fim, eles são guardados em casa como decoração e como proteção contra o mal.

Já os poloneses, através de várias técnicas de pintura e desenhos, fazem da tradição de pintar ovos de Páscoa uma opção de hobby e educação para milhares de pessoas na Polônia e seus descendentes no Brasil.

No município de Dom Feliciano, que fica no Rio Grande do Sul, a tradição é mantida com um concurso anual, entre os alunos dos Ensinos Fundamental e Médio, realizado pela Casa de Cultura do Imigrante Polonês.

Interessante, não é mesmo?

Curiosidades sobre como pintar ovos para a Páscoa

Tradicionalmente, para pintar ovos para a Páscoa eram utilizados ovos de qualquer tipo de ave, e a gema e a clara eram retiradas delicadamente através de uma seringa. A pintura sobre a casca do ovo era feita por etapas, não com tinta, mas com um conjunto de materiais que inclui vela, cera de abelha derretida, estilete e bico de pena.

O ovo era mergulhado em uma sucessão de banhos de tingimento, a partir da mais leve, e terminando com o mais escuro, normalmente preto. Entre cada imersão, a cera é aplicada em áreas onde a cor anterior deve permanecer.

Em alguns lugares, para pintar ovos de Páscoa, também era usado corantes feitos a partir de plantas secas, raízes, frutos e casca como cascas de cebola, açafrão, centeio, trigo, musgo, madeira, beterraba, sementes de girassol, frutas e casca de sabugueiro, nozes velhas, casca de carvalho ou cinzas.

Atualmente, para pintar os ovos de Páscoa, são usados corantes produzidos quimicamente, mas ainda são utilizados plantas secas, raízes, frutos e casca, entre outros materiais para criarem texturas diferentes.

Os desenhos mais comuns são animais, elementos da natureza, triângulos, cruzes, sóis, estrelas e figuras geométricas. Vale a pena tentar em casa!

Depois de ler este post, que tal pintar ovos para a Páscoa com corantes? Faça seus próprios Ovinhos Coloridos para presentear e decorar!

 

0 comentário em “A arte de pintar ovos para a Páscoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: